Estudar nos Estados Unidos

Gafes de Viagem - churrasco para os australianos

Essa história aconteceu com o Piero Rossini, que morou por três anos na Austrália:


"Logo que cheguei a Sydney fui atrás de trabalho como qualquer outro estudante. Pra minha sorte, na minha primeira semana consegui dois empregos e na semana seguinte arrumei uma vaga em um restaurante no Circular Quay, bem em frente ao Opera House. Neste restaurante era servido entre outros pratos, churrasco brasileiro - e por essa razão - muitos brasileiros eram contratados. Era uma espécie de rodízio, mas com bastante limitação: cada mesa que encarava o churrasco recebia de seis a sete tipos de carne.


As minhas gafes começam quando me deram um espeto de churrasco na mão e disseram, “Vai lá e serve a mesa”. Eu nunca tinha feito aquilo antes e a minha única experiência com facas de churrasco tinha sido na minha casa. Como eu trabalhava dois turnos, almoço e jantar, eu e meus colegas de trabalho gostávamos de ir a um bar durante o intervalo.

Tinha um bar alemão bem perto que servia cerveja naquelas canecas de 1 litro. Normalmente voltávamos para o trabalho bem alterados. Foi quando em um desses dias a coisa ficou preta. Como não é costume local o tal do espeto com carne, os clientes ficam um pouco perdidos com aquele tal de pegador e estranham o homem de preto segurando um espeto. Fui até essa mesa oferecer a carne, a pessoa ficou olhando pra minha cara enquanto eu cortava, eu avisei sobre o pegador, mas não deu tempo! Quando fatiei a carne, cortei o dedo do cidadão. Foi uma correria atrás de bandaid naquela cozinha!

Outra cena muito parecida foi com uma senhora, toda pomposa e cheia de frescura. Fui até a mesa com aquela picanha suculenta, mais uma vez avisei sobre o tal do pegador e como funcionava. Desta vez a carne foi mais rápida e antes mesmo da mulher perceber, já estava dentro da bolsa dela! O problema é que ela nem percebeu e eu não avisei !!!"

3 comentários:

Josivan disse...

Trabalhar em frente a Opera House heim! Que maravilha, tava de boa. E essa da carne na bolsa da madame deve ter sido muito engraçado na hora eu teria rido pra caramba.

Fabiana disse...

Eu derrubei o pedaço de carne dentra da taça de vinho que custava 150 dolars, detalhe, 150 era o preço da taça... me virei e disse "oh I´m sory" rsrs

S7 Study disse...

Nossa ! essas gafes são inesquecíveis e MUITO engraçadas !